Lugar de mulher é nos negócios: conheça 5 empreendedoras de sucesso

As empreendedoras de sucesso estão deixando de ser exceção e conquistando seu espaço no mundo dos negócios. 

 

Cada vez mais, as mulheres têm grandes exemplos de CEOs e gestoras para seguir seu caminho no empreendedorismo, enquanto o receio e a insegurança ficam para trás.

 

Apesar dos desafios — que ainda são muitos —, as oportunidades estão se multiplicando e não faltam histórias de mulheres que venceram no comando de empresas.

 

A seguir, você vai conhecer algumas empreendedoras de sucesso e se inspirar com suas trajetórias.

 

Leia até o fim e aproveite o incentivo para seguir com seu plano de negócio. 

 

Por que há cada vez mais empreendedoras de sucesso

 

As mulheres têm cada vez mais empreendedoras de sucesso como referências para seguir o caminho dos negócios. 

 

O aumento na proporção de mulheres à frente de empresas é reflexo do empoderamento feminino e conquista da independência, além da mudança cultural que enfatiza a importância da diversidade nas empresas — principalmente em cargos de liderança.

 

De acordo com a pesquisa GEM (Global Entrepreneurship Monitor) de 2018/2019, o Brasil está em sétimo lugar no ranking de países com o maior número de mulheres empreendedoras.

 

Já os dados do Sebrae sobre empreendedorismo feminino no Brasil, publicados em março de 2019, mostram que há 24 milhões de empreendedoras no país — os homens são 28 milhões. 

 

Ou seja: o número de mulheres que decidem comandar seu próprio negócio é bem próximo ao dos homens, embora ainda haja desigualdades a serem combatidas no mundo empresarial. 

 

Desafios para se tornar uma empreendedora de sucesso

 

Apesar do crescimento do empreendedorismo feminino, as mulheres ainda enfrentam vários desafios para abrir suas empresas e ser reconhecidas pelo que fazem. 

 

O estudo do Sebrae, por exemplo, revela que as mulheres empreendedoras têm uma escolaridade 16% superior à dos homens, mas ainda ganham 22% menos que eles. 

 

Para começar, a conciliação da vida pessoal com a profissional é mais difícil para as mulheres, principalmente aquelas que têm jornada dupla (trabalham e cuidam da casa e dos filhos).

 

Com isso, sobra menos tempo para se dedicar ao negócio e a sobrecarga de trabalho é muito maior — sem falar no estresse e esgotamento das multitarefas.

 

Outro obstáculo que as empreendedoras de sucesso precisam superar é o discriminação de gênero que, infelizmente, ainda persiste na cultura brasileira e no ambiente corporativo (tradicionalmente com maioria masculina). 

 

Depois de provar sua competência, elas ainda precisam lidar com problemas como a falta de apoio de suas próprias famílias e juros mais altos na hora de acessar crédito para investir no negócio (apesar de terem nível maior de adimplência). 

 

Por isso, a persistência e resiliência são ainda mais importantes na trajetória de empreendedoras, como veremos a seguir.

 

5 empreendedoras de sucesso para se inspirar

 

Não faltam histórias de empreendedoras de sucesso para inspirar mulheres que sonham com seu próprio negócio e precisam de um empurrão para tirar a ideia do papel. 

 

Conheça alguns cases de sucesso. 

 

1. Luiza Trajano (Magazine Luiza)

 

Luiza Trajano é uma das empreendedoras mais respeitadas do Brasil e a responsável pelo sucesso da rede Magazine Luiza. 

 

Nos anos 1970, ela conseguiu transformar uma loja do interior de São Paulo em uma rede varejista capaz de competir com gigantes como Casas Bahia e Ponto Frio.

 

Detalhe: Luiza começou trabalhando na área administrativa e foi subindo de cargo até se tornar diretora-superintendente e finalmente CEO.  

 

Hoje, o Magazine Luiza tem mais de mil lojas no Brasil inteiro e um dos maiores e-commerces do país, rendendo à empresária uma fortuna de R$ 2,5 bilhões.

 

Para além do sucesso financeiro, Luiza Trajano inspira pela filosofia de gestão e pela defesa do empoderamento feminino.

 

Ela é conhecida por valorizar os funcionários e encarar cada colaborador como um empreendedor da rede, dando autonomia para que contribuam com a empresa.

 

Uma de suas frases preferidas, divulgada em palestra da Endeavor, é “Primeiro faça o necessário, depois faça o possível e, de repente, você vai perceber que pode fazer o impossível”. 

 

2. Bianca Costa (Shoppr e Gurvam)

 

Bianca Costa, CEO das plataformas de supermercado online Shoppr e Gurvam,  está entre as empreendedoras de sucesso atendidas pela Comece com o Pé Direito.

 

Ela deixou para trás uma carreira em finanças e inteligência de mercado em multinacionais para seguir seu sonho de empreender, iniciando um negócio de e-commerce supermercadista junto a um grupo de amigos.

 

Desde o ínicio da primeira empresa digital, o Gurvam, Bianca ficou à frente da gestão, enfrentando todos os desafios das startups do comércio eletrônico. 

 

Então, em 2018, logo após a Gurvam adquirir a Shoppr e expandir suas operações, os dois sócios encerraram sua participação e ela comprou a parte deles para assumir definitivamente a empresa. 

 

Na época, houve quem não acreditasse que ela conseguiria dirigir a empresa sozinha, ainda mais em um setor dominado por homens mais velhos, mas Bianca segue liderando as operações em 2020 aos 28 anos de idade — e ainda tem uma longa estrada de sucesso pela frente. 

 

E aqui vai o recado dela para as empreendedoras: 

 

“Todo o dia é um grande desafio, mas é a resiliência que ganha o jogo. Para todas as mulheres que pensam em empreender: façam!”

 

3. Janaína Pasin (O Amor é Simples)

 

Janaína Pasin é uma das fundadoras da criativa startup O Amor é Simples e cliente da Comece com o Pé Direito.

 

Ela e as outras quatro sócias se depararam com o mesmo problema quando decidiram se casar: não encontravam vestidos de noiva simples, bonitos e baratos — apenas modelos caríssimos e glamourosos em lojas físicas tradicionais. 

 

Dessa necessidade, surgiu uma ideia de negócio inovadora: criar uma empresa que oferece vestidos de noiva simples, modernos e acessíveis para mulheres que valorizam o amor acima de qualquer cifra. 

 

Desde 2014, elas já atenderam mais de 2.200 noivas de todo o país e estão revolucionando a indústria de casamentos.  

 

Além disso, Janaína e as sócias fazem questão de utilizar mão de obra local e apoiar outras empreendedoras — no Dia da Mulher de 2020, por exemplo, elas ajudaram a ativar mais de 30 negócios liderados por mulheres. 

 

“Nós estamos construindo uma marca forte e cheia de propósito porque queremos contar uma nova história em uma indústria tão parada no tempo” — afirmam no site oficial da empresa, como incentivo à inovação. 

 

4. Cristina Junqueira (Nubank)

 

Cristina Junqueira é uma das fundadoras do Nubank, uma das fintechs mais inovadoras da América Latina e o terceiro unicórnio brasileiro, valendo mais de US$ 10 bilhões.  

 

Ela se tornou um ícone das empreendedoras de sucesso ao ilustrar a capa da Forbes ostentando uma gravidez de quase nove meses, com a manchete “mulheres mais poderosas do Brasil”. 

 

Com isso, ela rompeu com o tabu da maternidade no mundo corporativo e mostrou que é possível conciliar filhos e uma carreira bem-sucedida. 

 

Em entrevista à revista de 2020, ela conta que se juntou aos cofundadores do Nubank devido à frustração com os serviços financeiros tradicionais e vontade de revolucionar esse mercado. 

 

Com base em valores do capitalismo consciente, Cristina participou da criação do maior banco digital do mundo, e defende que o empreendedorismo deve ter um propósito claro: 

 

“As pessoas que você contrata, a maneira que você lança produtos e pensa sobre negócios, como você trata clientes. É autêntico, vem de dentro.” — afirma, ao detalhar a estratégia campeã do Nubank. 

 

5. Oprah Winfrey (Oprah Winfrey Network)

 

Para fechar, uma das empreendedoras de sucesso mais famosas do mundo e a única mulher negra a alcançar o topo do ranking de bilionários da Forbes: Oprah Winfrey.

 

Oprah construiu uma carreira brilhante na indústria do entretenimento com seu programa The Oprah Winfrey Show (o mais visto da história da TV norte-americana), e passou a comandar seu próprio canal de televisão (Oprah Winfrey Network) em 2011. 

 

Com uma infância difícil, origem pobre e diversos problemas familiares, ela conseguiu superar todos os desafios e mereceu cada centavo da sua fortuna, hoje avaliada em 4 bilhões — uma verdadeira self-made woman. 

 

“O segredo para realizar um sonho é focar no propósito, em vez de pensar apenas no sucesso — e então até os menores passos e pequenas vitórias terão grande significado no seu caminho” — afirma a apresentadora e empresária ao Entrepreneur. 

 

Comece com o Pé Direito e seja uma empreendedora de sucesso

 

Ao lado das empreendedoras de sucesso, está uma contabilidade focada no crescimento de negócios criativos e desafios das pequenas empresas.

 

Foi esse pensamento que deu origem à Comece com o Pé Direito: a contabilidade especializada em startups e scale-ups que apoia o empreendedorismo inovador desde os primeiros passos.

 

Nossos serviços incluem assessoria contábil completa e 100% online, abertura de empresas, BPO Financeiro e consultoria personalizada, com direito a uma plataforma digital para agilizar o trabalho e atendimento humanizado com contadores experientes.

 

Assim como as empreendedoras, somos necessários, destemidos e ousados — e sempre dispostos a ajudar você a tomar as melhores decisões. 

 

Fale com a gente antes de abrir seu negócio ou se quiser revolucionar sua contabilidade.