Pilotando seu negócio: porque você não pode deixar a sua gestão financeira com mais ninguém

Hoje nós vamos começar o artigo de uma forma diferente. Perdoem a analogia, mas que tal compararmos o funcionamento de um empreendimento a um carro? Por exemplo, a gestão financeira é o motor: ele é o responsável por fazer o carro ligar e rodar por aí. Se ele parar de funcionar, todo o resto também para.

Agora, sem um motorista acionando os comandos, o motor não funciona. Uma girada de chave e o pé no acelerador são os responsáveis por um carro em movimento. Dessa forma, é importante destacar que o empreendedor é o principal responsável pela gestão financeira.

Ele deve ser um motorista altamente desenvolvido, que é capaz de perceber até os pequenos detalhes no funcionamento do veículo, e que realiza a manutenção corretamente para manter a sua segurança, e a de todos, durante o trajeto.

Analogias à parte, quando um novo empreendimento surge ele vem acompanhado das expectativas do empresário, além de todo o preparo e dedicação de todos aqueles que desejam o seu sucesso. Dar os primeiros passos exige planejamento e esforço, mas quando falamos em manter o negócio crescendo, todo o cuidado é pouco em sua gestão financeira.

Não importa o tamanho da sua empresa, ou que tipo de atividade ela desempenha, é preciso que ela esteja saudável para que atinja bons resultados. Mas calma aí, não se desespere, estamos aqui para mostrar para você como cuidar do seu setor financeiro e escalar o seu negócio.

É a gestão financeira que vai permitir que seus recursos sejam administrados de forma correta, fazendo com que haja investimentos no seu negócio para que ele possa crescer e se fortalecer. Além disso, ela também é importantíssima para que os desperdícios, como um todo, sejam evitados, maximizando esforços e resultados.

Na medida em que a qualidade da sua gestão financeira for maior e quanto mais atuante ela for, melhores são os resultados do negócio. Queremos destacar também que, especialmente em épocas de crise, a gestão financeira é fundamental. Ela faz com que você consiga enfrentar momentos turbulentos, como dificuldades no faturamento e queda de vendas, com consistência.

Agora, para que fosse possa aproveitar isso da melhor forma é necessário que alguns pontos sejam definidos periodicamente e com antecedência. Os dados da gestão financeira também devem ser convertidos em números, tornando-os mais claros e fáceis de serem avaliados. Para que você realize um planejamento adequado, é preciso:


  • Metas e objetivos: é aqui que você vai estabelecer até onde o seu negócio vai chegar. O bom é que dá para prever a diminuição legal do pagamento de impostos, redução dos custos operacionais e muito mais.


  • Estratégias financeiras: qual ferramenta de gestão você vai usar para que seus objetivos sejam alcançados? Como vai mapear os seus processos? Devo terceirizar meu financeiro? Isso deve ser decidido com antecedência.


  • Métricas: elas que irão fazer com que você acompanhe os resultados de suas ações e indicarão as possíveis mudanças e se tudo está andando de forma efetiva.


Para que a sua gestão financeira seja realmente efetiva, e apresente os resultados esperados, é ideal que você utilize algumas ferramentas de controle, para poder acompanhar com mais clareza e utilizar todos os seus recursos de forma adequada. Vamos citar agora alguns elementos muito importantes para a gestão financeira.

Controle do fluxo de caixa

Uma das maiores ciladas empresariais, e uma das maneiras mais rápidas de falir, é não saber quais são todos os gastos da sua empresa. É extremamente necessário que você, empresário, saiba tudo o que acontece no seu caixa. Através do fluxo você consegue saber quanto de dinheiro entra e sai do total de transações.

Para onde vai o seu dinheiro? Em que você gasta mais? De qual produto vem a maior renda? O sistema de gestão vai te dar maior precisão dessas informações. Quando você conhece bem o seu fluxo de caixa, você descobre seu ponto de equilíbrio e, dessa forma, administra melhor suas contas a pagar e receber, cobrando antigas dívidas e ganhando novos prazos ou condições com os seus fornecedores.

Atenção ao seu estoque

Não veja o seu estoque de produtos como custo, ele é o seu investimento. O dinheiro da sua empresa em mercadorias deve ser tratado de forma responsável para que não gere gastos extras.

Tenha sempre uma reserva mínima para atender a sua média de vendas. Esse é o melhor caminho. É de extrema importância que você saiba quais são as principais demandas do seu mercado, sem pecar pelo excesso, e é necessário ter um excedente de segurança, caso haja um crescimento não previsto na sua demanda.

Utilize softwares de gestão

Foi-se o tempo em que papéis e planilhas do Excel resolviam os problemas empresariais. A dica mais valiosa que podemos te dar agora é que você use um software especializado. Com ele você pode ter acesso, de qualquer lugar, a informações armazenadas na nuvem - sem falar que eles estão sendo constantemente atualizadas. Números corretos ao alcance das mãos. 

É um erro, embora muito comum, não usar um bom software. O problema é que isso compromete a saúde financeira do seu negócio, o que provavelmente vai prejudicar a sua escalada. O uso das ferramentas financeiras e do planejamento estratégico deve estar atrelado a esse software de gestão, pois ele irá permitir a integração de todas as áreas da sua empresa, adicionando rapidez e qualidade aos seus serviços.

Escolha uma boa ferramenta de gestão e organize as finanças da sua empresa. Assim, você vai poder controlar todas as suas contas e ter registros de suas movimentações com maior facilidade.

Ficou mais fácil de entender o que você precisa?

Depois de tudo que falamos aqui hoje, você já tem uma cartilha básica do que irá precisar para que a gestão financeira da sua empresa seja 100% efetiva e favoreça o seu negócio. É bom você saber que não está sozinho, todo empreendedor passa por imprevistos e enfrenta problemas na sua jornada, o que diferencia você é a forma como vai lidar com isso.

Fazendo a gestão financeira adequada ao seu negócio, você tem na mão as oportunidades de se desenvolver de forma escalonada e saudável, e isso tornará você mais competitivo e atrativo no seu mercado. O sucesso aqui será um resultado consistente.

Nós, da Comece com o Pé Direito, oferecemos uma assessoria especializada em contabilidade para startups. Temos atendimento diferenciado, mentoria de especialistas na área e estamos sempre prontos para oferecer a solução mais adequada para o seu negócio. Agende uma conversa com um dos nossos especialistas!